Seja bem vindo ao Rondonia Live! Sua fonte de informação em tempo real.
quarta-feira , 17 julho 2024
Webmail: contato@rondonialive.com
Destaques

Nova vacina contra a dengue chega à rede privada do RN; saiba quem pode tomar

Qdenga, nova vacina contra a dengue, chegou ao Rio Grande do Norte. Neste primeiro momento, no entanto, o imunizante só está disponível na rede privada, em estabelecimentos como farmácias, clínicas e laboratórios. Não há previsão para a aplicação na rede pública.

O registro da Qdenga foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em março deste ano e há cerca de duas semanas iniciada a distrubuição para comercialização no Brasil.

Apesar da autorização para comercialização, a maioria das clínicas e laboratórios consultados pelo g1 RN em Natal, capital do estado, por exemplo, ainda não oferece o serviço nos seus sites ou páginas nas redes sociais. Em algumas outras, a Qdenga está disponível.

Segundo preço tabelado pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), o valor de cada dose no mercado deve ficar entre R$ 301,27 R$ 402,05. A vacina é aplicada em duas doses.

Ainda não há prazo para que a Qdenga seja disponibilizada na rede pública de saúde´do Brasil. A liberação depende da aprovação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec), órgão que assessora o Ministério da Saúde na tomada de decisões desse tipo.

Em 2022, o Rio Grande do Norte registrou mais 12 mil casos de dengue, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). Ao todo, foram 21 mortes confirmadas pela doença no estado. No Brasil, mais de 1 mil pessoas morreram pela doença no ano passado, um número recorde.

Quem pode tomar e como é a aplicação?

A vacina é aplicada em duas doses – num intervalo de três meses entre a primeira e a segunda – e está autorizada para pessoas entre 4 e 60 anos de idades.

A vacina é composta por quatro sorotipos diferentes do vírus causador da doença.

No Brasil, essa é a primeira vacina autorizada para pessoas que nunca tiveram contato com o vírus da dengue. Ou seja, pode receber tanto quem teve como quem nunca teve a doença.

Até então, a única disponível era a Dengvaxia. O imunizante é recomendado somente para quem já foi infectado com o vírus da dengue, protegendo de uma segunda infecção.

Confira a matéria completa do g1RN clicando neste link.

Artigos Relacionados

DestaquesGeral

Tenda Família Cidadã atenderá o assentamento Joana Darc I na zona rural de Porto Velho

Atendimentos acontecerão no próximo sábado (06), das 9h às 14h, na Escola...

DestaquesGeral

Prefeitura de Porto Velho realiza busca ativa em residências para resgatar cobertura vacinal

Campanha do Ministério da Saúde quer garantir a imunização de crianças menores...

DestaquesGeral

Maior evento de previdência pública do Brasil atribui 1º lugar ao Iperon em governança previdenciária 

O Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Estado de Rondônia (Iperon) recebeu...

DestaquesGeral

Inscrições para cursos remotos profissionalizantes na área de gestão seguem até segunda-feira, 8

Estão abertas até segunda-feira (8), inscrições para cursos profissionalizantes remotos que vão...